domingo, 2 de julho de 2006

sUBMARINE - The Next Album

Apreciação final: 6/10
Edição: TAVM, Junho 2006
Género: Electro-Pop/Electro-Rock
Sítio Oficial: www.submarine.pt.vu








V.N. de Famalicão foi posta no mapa da electro-pop-rock nacional. Os obreiros da façanha são os sUBMARINE que, contando cinco anos de maturação em cima do palco e algumas edições avulsas, se entregaram à gravação do segundo longa-duração, depois do esquecido Spaces & Places (2004), trocando a experimentação de ambientes lounge pelo subliminal estímulo do sangue rock. A permutação de afinidades, contudo, não apaga da ementa sonora do grupo o padrão electrónico, antes o redimensiona no tempo; o upgrade do som é uma evidência, sublinhada pela produção precisa (a cargo do próprio quinteto famalicense) e pelo abeiramento às escalas contemporâneas do electro-pop-rock. Jargão em inglês para uma sonoridade feita de cumplicidades com as tendências mais frescas da electrónica ligeira, do new wave e da funk a adornar o propósito pop das composições. Depois, a preciosa piscadela de olhos aos 80's (andar em frente a olhar para trás...) favorece a definição de um som fluido e de perspicácia cosmopolita, cruzando referências temporais para chegar a um corpo de canções mais dançável, acelerado e menos meditativo. Nisso, The Next Album ganha aos pontos e comprova o esboço evolutivo dos sUBMARINE.

Produto versado para mexer o corpo mais do que volver a mente, o último trabalho dos sUBMARINE é leve como a um disco pop se pede que seja. O quinteto famalicense não sente urgência de crescer depressa, nem idealiza motins contra regras. Certinho do princípio ao fim, com pouco arrojo na produção e diminuta amplitude vocal, The Next Album não quebra o gelo, traz algumas boas ideias mas fica-se pelo serviço pop mínimo o que, se há-de vir a encher de admiração uns quantos teenagers a descobrirem os primeiros impulsos dançantes (a cortesia dos sUBMARINE está em "Teenage Pop Song 2006"), não deslumbra melómanos sabedores, daqueles que não estimam o atalho dos lugares comuns para fazer canções amigas do tímpano. Porque delas é feito The Next Album. Pop de estação.

2 comentários:

r.b.S disse...

DESTAQUES DE JULHO
....................
No mês em que se comemora um ano de de blog ...::r.b.S::..., aqui ficam alguns destaques para Julho:

Min2Max; DJ Kicks: Four Tet; Kieran Hebden & Steve Reid The Exchange Session; Jimpster; Nordic Lounge Weekend; Burial; Lily Allen...

visitem
http://rbs1.blogspot.com

Anónimo disse...

best regards, nice info » »